4 Dicas para vender bijuterias e fazer seu negócio render

Se você trabalha com bijuterias, esse texto vai te ajudar a entender algumas coisas essenciais para suas vendas decolarem. Afinal, não dá para dispensar dicas para vender bijuterias e fazer o negócio render!

1) Conheça seus produtos

Você conhece mesmo os produtos que vende? É claro que você sabe que são bijuterias, mas caso alguém faça perguntas sobre os produtos, você saberia responder? Como usar? Qual material é usado? Quais são as pedras que estão nas peças? Tudo isso é importante já que ter respostas na ponta da língua passa segurança para os compradores.

LEIA MAIS:

Embalagens personalizadas: organize a casa com as dicas da Marie Kondo
Sacolas personalizadas: 3 ideias para encantar com sua ecobag

2) Conheça e fidelize seus clientes

Para acertar em cheio com seus clientes, você precisa conhecê-los. Para isso, a conversa ainda é o melhor caminho, não importa se você faz isso ao vivo ou pelas redes sociais. Interagir, esclarecer dúvidas e oferecer um bom atendimento são ações que aproximarão você dos compradores, mas não esqueça do pós-venda: medir o grau de satisfação das pessoas é sinônimo de fidelização e mais vendas.

3) Fique por dentro das tendências

Além de ter produtos bonitos e de qualidade, é preciso ficar por dentro das tendências de bijuterias do momento. Como saber o que está em alta em relação a acessórios é simples. Para começar, ver o que está rolando nas novelas é um ótimo passo pois bijuterias que aparecem na TV tendem a ser sucesso. Outra dica é acompanhar blogs de estilo!

4) Invista nos detalhes do negócio

A personalização é parte fundamental do negócio se o seu desejo for se tornar profissional. Afinal, para se destacar em um mercado que tem tantas pessoas, é preciso investir na sua marca. Para isso, crie um logo para replicar em produtos como embalagens, sacolas e até nas cartelas da bijuteria, além de tags e etiquetas.

Outro ponto fundamental é a escolha dos fornecedores. Feche parcerias com as quais você possa contar – desde os produtos que você estiver vendendo até os materiais que você precisa para realizar a venda – pensando no preço, qualidade e se atendem a sua demanda.