Como crescer dentro do setor de doceria?

Setor de doceria evolui na pandemia | Imagem: iStock

Passando pelo auge da pandemia de Covid-19, muitas pessoas encontraram uma brecha no mercado para se reinventarem. Dentro dos diversos segmentos, um dos que mais vem chamando a atenção é o setor de doceria, crescendo significativamente nos últimos meses. Para descobrir o que está por trás desse grande desenvolvimento conversamos com o Cristiano Lopes e a Paloma Goulart, proprietários do Browneando.

Adoçando a vida

Consumo de doce tem aumento significativo | Imagem: iStock

Ficar em casa por tanto tempo tem refletido muito na alimentação das pessoas, especialmente no consumo de doce. De acordo com pesquisa do Grupo Pão de Açúcar, o setor teve um aumento de 96% em comparação com o mesmo período no ano de 2019. E não para por aí! O delivery também está acompanhando o sucesso com aumento de 61% em compras de doces no aplicativo iFood.

Consequentemente, esses números nos levam ao crescimento da indústria alimentícia, principalmente pequenos empreendedores com suas receitas caseiras – a técnica handmade, conhecida popularmente por “artesanal”, está mostrando sua mais nova face. Se você tem interesse em ser dono do próprio negócio, está no lugar certo!

Mas, como se destacar no segmento?

Se destaque | Imagem: iStock

Para saber como arrasar e fazer parte da estatística dominante, separamos 5 dicas que foram as responsáveis pelo sucesso do Browneando. Confira:

1. Tenha um ponto de partida

Começar algo novo não é nada simples, por trás do resultado final existe muito planejamento: é preciso saber qual o seu propósito e como ele será colocado em prática, como fizeram os proprietários do Browneando. “Deixamos claro que nossa missão é elevar os sentimentos dos nossos clientes. Fazemos isso través de brownies totalmente artesanais“, afirmam.

2. Entenda como posicionar sua marca

O estudo de mercado é essencial no posicionamento – ou reposicionamento – de uma marca, seja qual for o nicho. O Cris e a Paloma comprovam a técnica. “Começamos vendendo brownie nas empresas em que trabalhávamos apenas para complementar a renda, totalmente boca a boca. Não tínhamos redes sociais e nem nome ainda. Com o início da pandemia tudo parou, fomos alocados para home-office e ficamos sem fazer o que mais gostávamos, mas como tudo o que acontece de ruim sempre tem um lado positivo, com a gente não foi diferente”, relembram.

“Tivemos tempo de estudar o mercado de brownies na região, além de entender os nossos concorrentes diretos e indiretos. Com isso, compreendemos o que o mercado já tinha e onde teríamos que nos posicionar. Como mencionamos anteriormente, decidimos construir uma empresa que eleva os sentimentos positivos das pessoas. Pensando nisso, todos os nossos produtos levam nomes de sentimentos bons, por exemplo, o nosso brownie meio amargo com stikadinho se chama Amor”

3. Persista

Você pode até achar que não vai dar certo, mas saiba uma coisa: o segredo está na persistência. “Quem não pensa em desistir quando está no início, não é mesmo? Mas é preciso ter consciência de que nos preparamos e estudamos muito. Cada dia é um processo de melhoria, e desistir não é uma opção para nós! Ainda vamos conquistar o Brasil com as nossas lojas e espalhar ainda mais sentimentos bons por aí”, refletem.

Acredite, o caminho é frutífero. “O aprendizado é constante e sempre superam muito as nossas expectativas. Imagina só, começamos apenas vendendo alguns brownies para colegas e amigos, agora já estamos fazendo a diferença na vida de tantas pessoas… São casais apaixonados, pais, mães, pessoas isoladas em casa, é muita gente recebendo os nossos sentimentos. Por isso, o melhor aprendizado é saber que quem faz a Browneando não somos nós, e sim cada cliente, aprendemos muito com eles, escutamos todos os feedbacks e levamos todos com muito amor“, complementa o casal.

4. Invista em embalagens

O consumidor está cada vez mais exigente e você precisa acompanhar as expectativas. Utilizar modelos de embalagens diferenciados é a nova tendência, o famoso unboxing. “É preciso saber se destacar e foi aí que a Printi entrou em nossa vida. Fizemos a nossa Maleta do Amor totalmente personalizada e está sendo um sucesso!”, revelam.

Maleta do Amor de Browneando | Imagem: Reprodução/ Instagram

Mas não esqueça: reconheça tudo o que você já conquistou, isso te fará se empenhar ainda mais e soltar a criatividade. “Hoje não somos apenas mais uma empresa que faz doces artesanais, somos uma empresa com propósito – o que torna o alcance ainda mais complexo. Mas quando o resultado vem é infinitamente maior. Durante esses quase 12 meses de Browneando, nosso posicionamento tem funcionado tão bem que hoje somos vistos como uma empresa de presentes e não apenas brownies”, declaram emocionados.

5. Saiba que estamos juntos com você!

Embora empreender exija muito esforço, você não está sozinho! Estamos aqui para te apoiar e mostrar que é capaz, assim como participamos da história inspiradora do Browneando. “Não desista, não tenha medo de tentar errar, coloque amor em cada processo e seja diferente para conseguir oferecer uma experiência única aos clientes. Pode parecer complicado no início mas com o tempo e muito estudo, tenho certeza que o seu negócio vai ser o próximo a estar dando uma entrevista aqui no Blog da Printi”, declaram a Paloma e o Cris.

“Seu trabalho vai preencher uma parte grande da sua vida, e a única maneira de ficar realmente satisfeito é fazer o que você acredita ser um ótimo trabalho. E a única maneira de fazer um excelente trabalho é amar o que você faz”.

Steve Jobs

Etiquetas

Maryene Oliveira

Apaixonada pelo mundo da comunicação, uma futura radialista movida por dança, literatura, desafios e ideias mirabolantes.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar