Novidades

Restrição nos envios? Aplicativos de mensagem trazem novidades

Hoje em dia quem vive sem se comunicar por meio de aplicativos de mensagem? Quase ninguém. Por isso, os apps renovam suas funcionalidades a cada dia, tornando a vida do usuário cada vez mais prática.  O aplicativo de mensagens Telegram publicou algumas novidades em suas ferramentas e o Whatsapp também tem notícias.

Telegram restringe o envio de mensagens?

Entre as atualizações que o Telegram apresentou está o “Modo Lento” em grupos. De acordo com o Blog do próprio aplicativo, o número de mensagens enviadas pelos usuários de um grupo poderá ser limitado pelo administrador em intervalos de tempo determinados que vão entre 30 segundos e 1 hora. Considerando que grupos podem chegar a 200 mil participantes, o recurso pode vir a calhar.

Além dessa atualização, o Telegram passa a ter uma função que permite enviar mensagens silenciosas independente de como o celular do receptor estiver configurado – ou seja, você pode mandar aquele recado para seu amigo que está em reunião sem medo de que o celular dele apite e chame a atenção. Outro anúncio feito pelo Telegram foram: a marcação de tempo para vídeos; a prévia das imagens ao avançar ou retroceder nos filmes; as figurinhas animadas; um novo menu de anexos no Android; e novas cores no modo escuro para o iOS.

LEIA MAIS

Como fica a estratégia de marketing com o fim dos likes no Instagram?

Neuralink de Elon Musk apresenta implante cerebral que lê sua mente

Aplicativo de filtros para fotos pode colocar a segurança da informação em risco

Novidades relacionadas ao Whatsapp

Outra novidade em aplicativos de mensagem foi divulgada, mas dessa vez relacionada ao WhatsApp. Para quem detesta quando abre as mensagens de um grupo e se depara com o aviso de que algo foi apagado, o Google Chrome criou uma extensão gratuita, chamada WA Web Plus, capaz de salvar os textos logo após o envio, antes que o usuário arrependido tenha a chance de apagar.

Para concluir as atualizações sobre os apps de mensagens, um esclarecimento: uma notícia de que o WhatsApp funcionaria sem internet circulou por aí, mas não é bem assim. Eventualmente o app permitiria que as pessoas utilizassem a versão desktop sem a necessidade do smartphone conectado. Dessa forma, as mensagens trocadas ficariam salvas no computador e seriam sincronizadas com o app do smartphone assim que o dispositivo se conectasse novamente à internet.

 

Etiquetas

Julia Viana

Editora do Blog da Printi, uma jornalista que encarou um novo papel para falar de mundo gráfico e inovação - sem nunca deixar a criatividade e os assuntos mais comentados do momento de lado.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar