Ideias para negócios

Saúde mental: a importância do cuidado com o psicológico dos colaboradores

Invista na saúde dos seus colaboradores | Imagem: iStock

A sua empresa se preocupa com a saúde mental dos funcionários? Hoje mais do que nunca, é extremamente importante que haja esse tipo de cuidado, levando em consideração as inúmeras causas derivadas do cenário atual que podem acabar impactando negativamente na qualidade de vida das pessoas. Para te explicar a importância do cuidado com o psicológico dos colaboradores, entrevistamos a Norma Fortes, gerente de Gente e Cultura na Printi, que além de contar um pouco sobre como o tema é abordado por aqui, também deu algumas dicas para você aplicar na sua empresa. Confira!

Conceito

O que é saúde mental | Imagem: iStock

Para a OMS (Organização Mundial de Saúde), saúde mental refere-se a um bem estar no qual o indivíduo desenvolve suas habilidades pessoais, consegue lidar com os estresses da vida, trabalha de forma produtiva e encontra-se apto a dar sua contribuição para sua comunidade. Ou seja, todas essas características remetem a uma pessoa mentalmente saudável capaz de harmonizar seus desejos, ambições, ideias e emoções de forma completamente sã. No entanto, em tempos de pandemia essas condições se tornaram a realidade de poucos, e foi assim que se percebeu a necessidade de redobrar os cuidados com a saúde a fim de manter mente e corpo devidamente estabilizados.

Saúde mental no Brasil

Brasil é o país com maior número de pessoas ansiosas no mundo | Imagem: iStock

Nos últimos anos a saúde mental se tornou um tema muito abordado pelo mundo todo e isso é um sinal de que as coisas não andam tão bem como deveriam. Assim também foi percebido um baixo número de pessoas com acesso a uma assistência médica adequada, o que significa que de fato a depressão é o mal do século XXI e a questão aqui no Brasil é alarmante.

De acordo com dados da OMS, somos um dos países do mundo que mais apresenta casos de depressão, variando a incidência entre 3% a 11% da população e sendo mais frequente em mulheres – vale considerar que muito disso despertou como efeito colateral da pandemia. “Entendemos que, assim como a saúde física, a saúde mental é parte essencial para a integridade do ser humano. Um funcionário saudável mentalmente tende a prosperar mais na vida pessoal e no trabalho”, afirma Norma.

O cuidado com os colaboradores

Uma boa saúde mental aumenta a qualidade de trabalho | Imagem: iStock

Antes de qualquer coisa, as empresas são compostas por pessoas. Pessoas que fazem acontecer e são responsáveis por movimentar todo o negócio. Muitas vezes, a carga de trabalho pode ser excessiva e acabar afetando o psicológico dos colaboradores, por isso, é extremamente relevante saber dosar a quantidade de trabalho e trazer formas de aliviar o peso das demandas a fim de manter um funcionário engajado e saudável.

A partir do momento que a condição afeta a saúde mental, irá afetar também a qualidade do trabalho. “Ainda segundo dados da OMS, os transtornos mentais e comportamentais estão entre as principais causas de perdas de dias de trabalho no mundo. Os casos leves causam em média perda de quatro dias de trabalho por ano e os graves cerca de 200 dias de trabalho por ano. Com a pandemia e a necessidade de isolamento social, o nível de ansiedade e períodos de insônia tornaram-se uma constante. São fatores de risco que devem ser identificados assim que possível, por meio de consulta com um especialista, para um diagnóstico das causas“, informa a profissional de Recursos Humanos.

Printi em ação

Aplique medidas preventivas na sua empresa | Imagem: iStock

Enquanto gestão, nossos líderes estão atentos aos seus times, e contam com a área de Gente e Cultura para criar a rede de apoio necessária à saúde mental. “Em nossa política de gestão de pessoas, colocamos nossos Printers no centro de tudo. E o cuidar dos nossos Printers é um dos pilares estratégicos das nossas práticas. Compreendemos a saúde do colaborador a partir da integração dos fatores biológicos, psicológicos e sociais, e a partir daí, estruturamos nossas ações durante o ano”, afirma.

Dessa forma, ao longo do ano são promovidas ações de apoio aos colaboradores como forma de prevenir e combater qualquer tipo de problema que possa interferir na saúde mental. Para um melhor entendimento, a Norma descreveu cada um dos eventos.

  • Iniciamos no final do ano passado rodas de conversas sobre saúde mental, trazendo temas importantes para a conjuntura atual com conceitos, técnicas, dicas e principalmente com o saber lidar com tudo isso, a parte prática das emoções. Sempre em parceria com a Assertiv, nossa corretora de seguros, e seus profissionais da área da saúde.
  • Oferecemos descontos na plataforma de saúde mental, a Zenklub e em academias.
  • Disponibilizamos de forma gratuita, e de forma individualizada, assistência psicológica, social, financeira e jurídica aos nossos colaboradores e seus familiares – é o nosso Programa Conte com a Gente.
  • Além disso, a nossa assistência médica fornece atendimento via telemedicina com médicos e psicólogos.
  • Realizamos ainda, campanhas internas para aumentar a conscientização sobre temas relevantes. Instituímos a “quinta sem meet, são dias em que não recomendamos a realização de reuniões internas – tão frequentes em momentos de home office.
  • E teremos mais ações pela frente, sempre ouvindo nossos colaboradores e entendendo que possuir um conjunto de diferentes práticas é importante para acompanhar e apoiar as diversas fases de vida e papeis dos nossos funcionários.

Dicas

Para proteger a saúde mental é necessário reduzir os fatores de risco relacionados ao trabalho, desenvolvendo aspectos positivos e entendendo as oportunidades e necessidades de cada colaborador de forma individual. “Para que tudo aconteça, os líderes precisam atuar atentamente e muito de perto ao seu time, para assim identificar sintomas e proporcionar um ambiente psicologicamente saudável“, sugere a gerente.

Não é de hoje que sabemos que um bom clima para se trabalhar é fator essencial para a saúde do colaborador. “Mesmo que haja fatores externos na vida pessoal do colaborador, o nível de satisfação com o emprego tem um papel fundamental no equilíbrio mental. Afinal, passamos em média de 8 a 9 horas ligados no trabalho”, define.

É importante tornar o tema “saúde mental” acessível a todos, sem mitos e tabus. É necessário falar abertamente, escutar com atenção e agir prontamente!

Etiquetas

Maryene Oliveira

Apaixonada pelo mundo da comunicação, uma futura radialista movida por dança, literatura, desafios e ideias mirabolantes.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar