Design

3 dicas para produzir papel bandeja

O papel bandeja é um material utilizado para proteger e manter a higiene das bandejas em bares, restaurantes e redes de fast-food.

Apesar de ter uma utilidade tão simples e necessária, esse produto também pode ser usado para que a empresa se comunique com o cliente ou divulgue promoções e produtos.

Aparentemente, a produção de um papel bandeja não tem complexidades e pode ser fácil de produzir, mas é importante estar atento a alguns aspectos para garantir o sucesso e efetividade do material.

No post de hoje, listamos 3 dicas básicas, mas muito importantes para a sua primeira produção. Veja abaixo!

Saiba como produzir um papel bandeja com essas dicas

1. O tamanho ideal para um papel bandeja

As características do material escolhido para produzir o papel bandeja são o primeiro ponto de fracasso ou sucesso do produto.

Normalmente, as bandejas usadas em restaurantes contam com uma medida padrão e, por isso, são, em sua grande maioria, de um mesmo tamanho. Se você ainda não conta com as bandejas ou nunca fez um pedido de papel bandeja precisará saber as medidas do seu modelo antes de produzir. Você não quer fazer uma encomenda e depois de receber perceber que está fora do que você precisa e não poderá usar, não é mesmo?

Para restaurantes que não usam bandejas e colocam os papéis bandeja direto na mesa, é possível seguir as medidas mais comuns ou criar um modelo personalizado.

Leve sempre em consideração que esse produto precisa comportar o prato, talheres, copo, guardanapo e, em alguns casos, o compartimento de sobremesa.

2. A composição do material

Apesar de ter como sua principal função a higiene, os papéis bandeja não são produtos produzidos com papéis de alta gramatura. Pelo contrário, por serem descartáveis e oferecerem praticidade ao cliente na retirada e limpeza, eles precisam ter maior flexibilidade e, por isso, são produzidos em menores gramaturas, entre 90g e 115g é o ideal.

A escolha do papel fica totalmente a critério do estabelecimento que utilizará.
Por ser um produto simples, também não é necessário nenhum tipo de acabamento e laminação.

O papel de bandeja deve ser bonito, atrativo e funcional, tanto para o cliente quanto para a empresa que vai disponibilizar. Portanto, quanto mais econômico melhor, afinal, devemos pensar que, na maioria das vezes, ele será descartado.

3. Layout e criatividade

Como mencionei acima, na maioria dos casos, o papel bandeja será usado pelo cliente e descartado. Mas essa não é a regra e depende muito mais de você, fazer com que o material tenha uma utilidade maior, do que da vontade do cliente em usá-lo.

Criar um modelo criativo pode oferecer entretenimento para o cliente enquanto ele aguarda a chegada do pedido e até após a refeição. Modelos com jogos, como caça-palavras, palavras cruzadas e curiosidades costumam ser bastante atrativos para os usuários de papel bandeja.

A produção de papel bandeja em maior quantidade oferecerá o melhor custo benefício para o seu negócio. Antes de produzir faça um orçamento com a Printi e confira os melhores preços do mercado.

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar