Biblioteca

A importância da tipografia e suas fontes fundamentais

A importância da tipografia está não só na estética, mas na mensagem que ela passa. A fonte tipográfica é o protótipo ou o conjunto de caracteres tipográficos que apresentam o mesmo formato, as mesmas características e, geralmente, mantêm o mesmo tamanho, como as fontes Arial, Tahoma, Verdana, entre outras – ou fonte negrita, fonte itálica, fonte sublinhada, conhecidos como família tipográfica, ou seja, variação estilística de determinada fonte.

 

A escolha da tipografia é importante no seu texto

 

A utilização do termo “fonte”, que substitui a expressão “tipo de letra” se deu por conta da aplicação de computadores anglicizados e pelo ajuste de programas da Microsoft para o português, porém as duas nomenclaturas são plausíveis.

 

LEIA MAIS

Guia de Fontes (tipografia): como escolher a fonte ideal para cada projeto [e-Book]

Aprenda mais sobre tipografia: Conceitos Básicos [Infográfico]

7 Elementos da tipografia que todo designer deve considerar

Tipos móveis: a criação da tipografia

Conceitos e aplicações das tipografias

Aprenda mais sobre tipografia

Aprenda mais sobre tipografia: Serifas [Infográfico]

 

As fontes são divididas em grupos de acordo com as suas características. Contudo, existem quatro tipo de fontes fundamentais (que explicaremos a seguir) e que vão deixar mais clara a importância da tipografia:

 

Fontes Serifadas

Geralmente fontes serifadas são utilizadas em textos corridos, uma vez que guiam o olhar do leitor, fazendo com que este leia as palavras completas e não as letras individuais. As fontes serifadas causam esse efeito pois os prolongamentos finais deixam a impressão de união das letras e palavras. Podemos citar como exemplo as fontes Times New Roman, Garamond, Bodoni, Didot e Caslon.

Fontes com serifas são mais utilizadas em textos corridos

Fontes não Serifadas

Conhecidas também como Sans-Serif ou sem Serifa, essas fontes são recomendadas para títulos, anúncios ou textos que serão vistos principalmente no monitor, pois transmitem clareza, leveza e organização. Uma vez que chamam atenção para cada palavra e não para o texto por inteiro, atraem o leitor de forma mais impactante. Alguns exemplos: Helvética, Arial, Optima, Kabel, entre outras.

Fontes sem serifas também são conhecidas como sans-serif

Fontes Script ou Manuscritas

Fontes manuscritas são, na maioria das vezes, utilizadas em trabalhos gráficos como convites, pois são tradicionais. Por reproduzir a escrita humana, passam a mensagem de elegância, classe, antiguidade. Fontes English111, Vivace BT, TypoUpringht BT, Amazone BT, por exemplo.

 

Que tal algumas dicas para seu convite de casamento? 😉

 

Fontes manuscritas são bem vindas em trabalhos gráficos

Fontes Black Letter’s

São chamadas popularmente de fontes góticas e originam-se das fontes serifadas. Classificam-se como fontes Display. Sabe a primeira letra do “Era uma vez…” de livros infantis? É ela! Exemplos: OldEnglish, Goudy Text.

As fontes góticas tem origem nas fontes serifadas

Além das fontes fundamentais citadas acima, ainda temos mais duas sub-categorias:

Fontes Modernas

As fontes Modernas são a East Side e a Elif. Como principais características elas são diferenciadas pela espessura (fina ou grossa), existindo, assim, fontes Modernas com ou sem serifa.

Que tal conhecer alguns projetos para te inspirar na escolha da tipografia? No Behance você encontra muita coisa! 

Fontes Fantasia 

São fontes conhecidas como comemorativas, pois são compostas por enfeites, símbolos e desenhos. Essas fontes representam objetos, animais, pessoas, entre outros. Promovem a sensação de festa, comemoração, quadrinhos, tecnologia e geralmente não possuem regra de tamanho ou forma. Como exemplo temos Zebrawood Fill, Zipty Do, Cutout.

 

Fontes Não Latinas

Ainda temos as fontes não latinas, que são compostas por letras que não são de origem latina, como árabes, japonesas, russas, etc.

Etiquetas

Julia Viana

Editora do Blog da Printi, uma jornalista que encarou um novo papel para falar de mundo gráfico e inovação - sem nunca deixar a criatividade e os assuntos mais comentados do momento de lado.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar