7 tendências para embalagens em 2021

Conheça as mais novas tendências de embalagens | Imagem: iStock

O ano de 2020 transformou profundamente nossas vidas, assim como a maneira como nos relacionamos com pessoas e espaços, como compramos – e embalamos. E é sobre isso que vamos falar aqui.

Com a crescente das compras online, diversos setores precisaram de novas estratégias para se adaptar à pandemia. Com o design de embalagens não foi diferente.

Melhorar a proteção do produto, proporcionar uma experiência de abertura atraente e possibilitar rapidez em compras nos pontos de venda foram alguns dos desafios enfrentados no ano passado e que refletiram nas tendências para embalagens em 2021.

1. Padrões ilustrados e cores em formato orgânico

O formato orgânico das cores | Imagem: Dribbble

Geralmente abstratas ou simplificadas, a utilização de padrões é uma das grandes apostas para 2021. Seja para conferir texturas diferentes, dar uma dica do conteúdo da embalagem ou reforçar a imagem da marca, essas repetições despertam interesse e facilitam a diferenciação de produtos de uma mesma linha ou de concorrentes.

Já os formatos orgânicos conferem movimento e leveza, possibilitando combinar uma paleta de cores inusitadas e que conversem harmonicamente com os padrões aplicados.

2. Unboxing envolvente e interativo

Unboxing interativo | Imagem: Behance

Oferecer uma experiência memorável durante a abertura de um produto vem se tornando indispensável. Além de garantir que o design da embalagem seja funcional, protegendo o produto, podemos pensar em cada detalhe para garantir um bom posicionamento para a marca. 

Personalizar todos os itens que acompanham a embalagem, tais como papel de embrulho para os produtos mais delicados, cartões de agradecimento, manuais de instruções de uso, formulários de garantia e até brindes, transmite cuidado ao cliente, valorizando a experiência como um todo.

Proporcionar, também, interações digitais, seja através de QRCode com conteúdo exclusivo e/ou promocional ou experiências de realidade aumentada são uma tendência para incrementar o unboxing e estreitar laços com seu consumidor.

3. Explorar tipografias para destacar o nome do produto

Tipografia a favor do produto | Imagem: Behance

Ao invés de usar de ilustrações ou o logotipo da empresa como elemento principal da embalagem, muitos designers têm optado por transformar o nome do produto no centro das atenções.

Ao trabalhar de forma criativa com tipografias objetivas, consegue-se também facilitar a identificação dos produtos em pontos de venda, agilizando o processo de compra neste momento em que as pessoas querem passar o menor tempo possível em ambientes fechados.

4. Embalagens que parecem arte

Arte em formato de embalagem | Imagem: Behance

Inspirando-se em pinturas e suas texturas ou desenhos que parecem ter sido pintados a mão, muitos designers têm apostado em transformar suas embalagens em elementos artísticos

O objetivo desta tendência é ultrapassar a divisão entre design de embalagens e belas-artes, e provar que é possível conferir exclusividade e beleza a produtos do dia-a-dia.

5. Embalagem Vintage

A magia do vintage | Imagem: Behance

Elementos vintage tem sido uma tendência nos últimos anos. Unindo autenticidade e aparência tradicional, esse tipo de design conecta as pessoas às emoções nostálgicas e sentimento de confiança. 

Em 2021 a aposta é integrar toda a experiência da marca, utilizando formas, materiais e imagens com aparência old school para proporcionar uma imersão completa, quase como uma viagem no tempo.

6. Cores únicas 

Explore a autenticidade das cores | Imagem: Behance

Trabalhar com uma paleta de cores reduzida já é um grande desafio. Imagine explorar uma única cor para trazer autenticidade para um produto!

Usando cores brilhantes e intensas, essa nova tendência busca um tom decididamente ousado para antecipar seu conteúdo e fugir do óbvio em diversos segmentos.

7. Segurança do produto em meio à pandemia

Novos cuidados após a pandeia | Imagem: iStock

A insegurança dos consumidores sobre superfícies influenciou também a forma como as marcas projetam suas embalagens.  A necessidade de uma adaptação ágil no contexto de pandemia fez com que o design de embalagens incluísse em suas prioridades processos de higienização para montagem dos pedidos, camadas extras entre o produto, embalagem externa e lacres para sinalizar violação. 

Várias marcas também optaram por substituir suas embalagens de plástico por papelão, uma vez que o ciclo de vida do vírus é bem menor em superfícies de fibra.

Escolher uma boa estratégia e dedicar um tempo para acertar o design de embalagem quando você está lançando um produto ou redesenhando um atual é extremamente importante para diferenciar da concorrência e fidelizar seus clientes.

Ao personalizar cada detalhe desse processo, a embalagem deixa os consumidores animados com seu produto antes mesmo de abri-lo. Não perca a oportunidade de impressioná-lo à primeira vista.

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar