Novidades

Como tornar sua identidade visual mais atraente e funcional

A identidade visual é a personalidade representativa da sua empresa, o design que traduz visualmente o conceito e os valores corporativos da companhia, criando uma ligação com o cliente, reforçando sua imagem e agregando valor aos seus produtos.

Da escolha das cores à elaboração da logo, ela deve gerar confiança e fazer com que sua marca tenha reconhecimento imediato. Uma marca bem aceita no mercado é automaticamente uma boa alternativa na hora da compra.

Etapas do desenvolvimento de uma identidade visual

O alinhamento é uma estratégia de marketing que deve ser aplicada a todas as peças, do design da sua loja online, aos catálogos, flyers, cardápios, folders, banners, cartões de visita, blocos de notas, adesivos, etiquetas e embalagens. Todos os materiais impressos devem ter a mesma identidade, transformando-se em poderosas ferramentas de comunicação com seus clientes, fortalecendo seu posicionamento no mercado ao criar uma conexão com seu público alvo.

Claro, essa não é uma tarefa fácil, ela demanda estudo de tendências, pesquisa de mercado, criatividade e sensibilidade para que esteja conectada ao perfil do seu negócio. Cores fortes, por exemplo, remetem a produtos que têm a ver com o verão e temperaturas altas, já as cores pastéis ou frias, com produtos ligados ao inverno.

Construa um relacionamento

Não existe identidade visual sem design, por isso o primeiro passo é pensar em como ele afetará as pessoas, como seus clientes e futuros clientes reagirão quando entrarem em contato com ela.

A ideia é construir um relacionamento com o seu público, um diálogo no qual você passará a sua mensagem e os consumidores responderão adquirindo seus produtos ou serviços. Mantenha o foco na sua atividade, não no quanto pode lucrar com ela. Uma marca de forte impacto positivo automaticamente gera frutos.

Incorpore valores ao design

Lembre-se que as ideias simples são as que atingem com mais facilidade seu objetivo. Procure uma cartela de cores que tenha a ver com o seu ramo de atividade e use-as também nos materiais impressos, reforçando a identidade de sua empresa em brindes promocionais, como nos blocos de notas.

A dica aqui é utilizar as cores ou a cor principal da sua cartela, a logo e informações de contato da sua loja, mas deixe-o limpo o bastante para que o cliente sinta-se confortável para usá-lo. E lembre-se: papel de boa qualidade e impressão impecável são itens indispensáveis.

Agregar valor ao design da identidade visual

Faça a diferença

Que tal engajar seu público em uma causa nobre, atual? Use a identidade visual para incentivar seus clientes à prática da sustentabilidade, por exemplo, evitando o desperdício, o lixo nas ruas, encorajando a reciclagem de materiais e a economia de energia.

Um bom time de designers é capaz de criar um visual que agregue esses valores à sua marca, conquistando novos nichos de público. Incorpore a ideia aos impressos de distribuição como flyers, banners e folders. Você também pode criar símbolos e personagens especiais para essas campanhas para etiquetas, rótulos e embalagens.

Estratégia deve começar junto com a empresa

A criação da identidade visual deve ser elaborada juntamente com o plano de negócio que está sendo traçado. Dessa forma é mais fácil estabelecer uma conexão com o público desde seu lançamento, melhorando os materiais de divulgação.

Crie um padrão para todos os seus impressos: cartão de visita, etiqueta de CD, catálogo de produtos, papel timbrado. Tenha também uma logo multi comunicacional, pensando em todas as mídias e tipos de materiais em que poderá ser usada, alinhando estratégias offline e online.

Importância da atualização

Assim como o mundo está em constante transformação, sua empresa também deve estar sempre se reinventando. Com a internet as tendências se multiplicam cada vez mais rapidamente, transformando os códigos visuais. Por isso, muitas vezes tudo o que você precisa é reformular o jeito como as pessoas veem a sua empresa para aumentar suas vendas. Ao mudar sua identidade visual, você estará mexendo com o inconsciente do seu público alvo, que está sempre ávido por novidades.

Se você já tem uma marca consolidada, você pode apenas atualizá-la sem perder a sua essência. Mantenha a base das cores originais, mas modernize a logo e crie novos formatos de impressos. Você pode dar uma cara nova a um cardápio ou catálogo com novos produtos, incluir vinhetas de promoções, criar adesivos e novas embalagens e até simplificar o nome do seu negócio de forma que ele chegue mais fácil ao consumidor.

Para isso encomende pesquisas sobre a percepção da logomarca junto a seus colaboradores e clientes, procurando identificar pontos fortes a serem mantido e pontos fracos a serem melhorados. Não esqueça que o processo de criação de uma identidade visual é contínuo. Você deve estar sempre buscando adequá-la às mudanças de comportamento do mercado e aumentando a sua competitividade.

Como você definiu a identidade visual da sua empresa? Conte para gente aqui nos comentários!

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar