Design

Por que há variação de cor nos materiais?

Todo mundo já passou pela experiência de visualizar uma determinada cor no computador e ao imprimir perceber que ela está com alguma variação de tonalidade ou, pior ainda, virou algo completamente diferente do esperado.
Essa é uma dúvida muito comum entre clientes de gráficas: por que há variação de cor nos materiais?

De maneira rápida, podemos explicar assim: na escala cromia, conhecida como CMYK, pode ocorrer variação de cor de 10% a 20%, o que pode gerar uma diferença bem grande entre expectativa e realidade.

Essas inconsistências podem surgir devido a diversos fatores. Pensando nisso, trouxemos alguns desses motivos para que você se prepare para resolvê-los. Veja só!

Diferença pelo do sistema de cores

Com toda certeza você já ouviu falar pelo menos uma vez das siglas RGB e CMYK, além de ter escutado sobre a palavra Pantone, certo? Cada uma é uma escala de cores e tem uma função específica:

RGB: essa é a sigla para red (vermelho), green (verde) e blue (azul). É a escala usada em objetos que produzem luz — como computadores, TVs, câmeras digitais e scanners. As diferentes tonalidades que aparecem nesses meios são resultado da mistura dessas cores.

CMYK: é a sigla de cyan (ciano), magenta, yellow (amarelo) e black (preto). Esse sistema é um dos mais utilizados para impressões e produz uma grande variação de tons graças à combinação dessas 4 cores.

Pantone: Funciona como uma biblioteca de cores, em que cada uma tem uma numeração específica para identificá-la. Isso garante que o tom seja reproduzido fielmente, inclusive na impressão, evitando qualquer variação entre tela e material impresso. Além disso, ela ainda permite que cores especiais sejam feitas, como as metalizadas e fluorescentes.

É muito importante saber que cada sistema de cores possui a sua função e esse pode ser um dos motivos de sua impressão ter divergências com a tela.

RGB x CMYK

A quantidade de cores possíveis de se criar com o sistema CMYK é muito pequena quando comparada ao RGB. Por isso, fica impossível reproduzir com fidelidade no material impresso alguns tons que vemos na tela. Isso ocorre porque o CMYK está limitado à utilização da mistura de tintas e ao papel, enquanto o RGB é composto por luz.

CMYK X Pantone

O sistema Pantone é a garantia de uma impressão sem variação, mas vale lembrar que não é possível reproduzi-la 100% no sistema CMYK, mesmo que você utilize uma combinação aparentemente equivalente. Para a impressão de uma cor Pantone, é necessário adquirir exatamente aquela que você deseja e utilizar o papel correto (offset).

Variação devido ao material

Outro grande motivo que pode provocar diferença de cores é a escolha do papel. A tinta tem aplicação e absorção diferentes em cada suporte, o que, consequentemente, gera uma discrepância na tonalidade.

Um papel couché fosco não terá o mesmo resultado de cores que um couché liso ou um reciclato, por exemplo. Portanto, verifique qual é o papel ideal para seu impresso e, depois que decidir, sempre faça uma prova impressa para ter certeza de que aquela cor é exatamente a que você espera.

Configurações do computador

Ajustar as configurações do computador é fundamental para reduzir a divergência de tons. Veja as principais:

Monitor

Geralmente, os monitores possuem ajustes de RGB máximo em suas configurações padrão, fazendo com que as imagens estejam sempre incríveis, mas nem sempre refletindo o que será impresso. Portanto, calibre seu monitor para que ele esteja sempre o mais próximo possível dos tons impressos.

Software de edição

Você deve configurar o seu software de acordo com o trabalho que vai fazer. Sempre verifique se o sistema de cores escolhido corresponde ao que você usará na impressão. Esse é o principal cuidado que evita grandes variações no resultado do trabalho.

Ao enviar o material para a gráfica, você deve se lembrar de que a tela do computador não reproduz fielmente o que será impresso. Agora que você já sabe por que a variação de cor ocorre e como reduzir o problema, vai ser muito mais fácil obter um resultado positivo na hora da impressão! Gostou das nossas informações? Então aproveite e veja as combinações de cores que são um sucesso!

Etiquetas

Julia Viana

Editora do Blog da Printi, uma jornalista que encarou um novo papel para falar de mundo gráfico e inovação - sem nunca deixar a criatividade e os assuntos mais comentados do momento de lado.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar