Ideias para negócios

As melhores estratégias de empreendedorismo por Mika Serur

Mikaela Serur | Imagem: Acervo pessoal

Mikaela Serur, 23 anos, é designer, artista, criadora de conteúdo e empresária. Sempre teve afinidade com o mundo das artes e da criatividade, mas foi nos últimos anos que o empreendedorismo bateu na porta e passou a chamar a atenção da Mika.

Desde muito nova, ela sempre teve vontade de ter seu próprio negócio, mas as ideias eram distantes e não parecia ser possível torná-las reais. “Quando entrei na faculdade de Design Digital em 2016, me aproximei muito desse universo criativo que aborda artes gráficas e visuais no geral e acabei criando o canal Mika Serur no YouTube. Isso me inspirou muito a compartilhar arte com o mundo e a torná-la mais democrática para todos, então eu pensei: já que estou produzindo conteúdo e vídeo para inspirar outras pessoas, por que não criar uma loja com o propósito de criar produtos que também inspirem essas pessoas? Então aquele sonho antigo foi se tornando realidade quando comecei a pesquisar mais a respeito. As vezes, tudo que uma pessoa precisa é de um pouco de motivação e encorajamento. E é isso que tento trazer para os produtos da loja!”, revela.

Desafios e aprendizados

Entre desafios e aprendizados | Imagem: Reprodução/ Instagram

A burocracia é uma das facetas do empreendedorismo, mas, por outro lado, é também uma forma de aprender a lidar com o mercado. “Empreender é em grande parte fazer muita coisa por conta própria, ir atrás e se virar nos 30. Contar com a ajuda das pessoas nessa hora pode ser muito útil, seja para apoio emocional ou para pegar dicas também! Muitos aprendizados são fatos descobrimos com vivências, coisas que dão certo, coisas que não dão e assim por diante. Mas pesquisar muito sobre tudo é fundamental!”, pontua a artista.

E pode ter certeza que os resultados vêm. “Sempre acreditei que quando colocamos amor e propósito em algo, isso fica muito visível para as pessoas. Gostamos de manter a transparência e mostrar o funcionamento dos processos para o público, o que torna nossa relação mais próxima. Falamos sobre a criação de produtos, mostramos nossas embalagens, pedimos sugestões e ouvimos muito o que as pessoas têm a nos dizer. Criamos o conteúdo do Instagram da Loja Mika Serur pensando no que artistas e criativos querem consumir de forma genuína. Damos dicas de produtos, falamos sobre como usar, mas também falamos sobre o universo da arte e do design no geral”, declara.

Planeje a sua história | Imagem: Reprodução/ Instagram

Lembre-se: pesquisa e planejamento acima de tudo, como recomenda a Mika. “É bom colocar na mesa de forma realista os seus planos e metas para os próximos meses ou até anos. Analisar seu público, o mercado, estilo de produto e pensar nos detalhes com cuidado antes de colocar a mão na massa. E depois de dar início, manter a organização é essencial para evoluir: manter o financeiro da empresa claro e organizado, planejar futuros lançamentos e campanhas e pensar em estratégias de como alcançar mais pessoas, se for sua intenção”, exemplifica as indicações.

Construindo experiências marcantes

Embalagens Mika Serur | Imagem: Acervo pessoal

A embalagem é o primeiro contato físico que o cliente tem com sua marca e produto, ou seja, ela concentra toda a impressão com relação a qualidade que reflete em um grande valor agregado. “Um produto bem embalado demonstra cuidado, qualidade e profissionalismo. Esse mesmo produto sem uma embalagem legal perde muito valor e parece só mais um objeto ‘solto’ em uma caixa. A embalagem tem o poder de trazer mais do universo da sua marca para as mãos do cliente, trazendo uma imersão que as redes sociais não conseguem“, afirma.

Um excelente suporte para impactar de primeira, os brindes também podem fazer parte da sua estratégia. “Brindes fazem com que o cliente se sinta especial, abraçado e ainda mais satisfeito com sua compra, já que ele recebe mais do que esperava. Essa forma de surpreender é essencial para fidelizar clientes e até fazer com que eles mesmos recomendem sua marca para amigos e familiares”, sugere a profissional.

Unboxing Mika Serur | Imagem: Acervo pessoal

Ainda sobre o primeiro contato, é interessante que você pense as características do seu nicho e na identidade visual da sua marca. “Você pode contratar um designer para isso ou contar com a ajuda dos designers da Printi no momento em que você vai realizar a compra do seu produto. Alguns pontos para se ter em mente são: quais cores e estilo de linguagem você quer utilizar para se comunicar com seus clientes através da embalagem?“, questiona, referindo-se a aplicação da técnica do unboxing.

Um bom unboxing com certeza pode ser o ponto chave para diferenciar se seu cliente ficará meramente satisfeito ou se apaixonará pela sua marca. “Quando compramos algo, esperamos receber aquilo e ok. Mas quando recebemos o produto com uma embalagem interessante, alguns brindes, cartões, adesivos com cores e frases, estamos mantendo comunicação, trazendo reconhecimento ao produto. Isso torna toda a experiência muito mais marcante e surpreendente“, conclui.

A parceria com a Printi

Mika Serur e Printi | Imagem: Acervo pessoal

Já ouviu falar que nada é por acaso? O encontro entre a Mika e a Printi é um grande exemplo. Foi através desse primeiro contato que as ideias se materializaram e, enfim, o sonho se tornou real – e palpável. “Encontrei a Printi por buscas na internet. Precisava criar materiais para minhas embalagens e a comodidade de receber tudo em casa foi importante para economizar tempo evitando deslocamento e filas. Já utilizei a Printi para fazer flyers, papel bandeja – que utilizo para forrar nossas caixas de envio -, adesivos avulsos, adesivos em rolo e tags“, descreve.

E tudo realmente começou com a Printi, antes mesmo da Mika Serur se consolidar como a grande marca que é hoje. “Ninguém quer ir atrás de novos fornecedores e empresas o tempo todo, então manter essas relações por um longo prazo é uma facilidade grande. Utilizamos a Printi desde antes de iniciar a loja e é como se nem precisássemos nos preocupar com isso mais, pois sabemos que vamos ter o que pedimos com agilidade e qualidade. Ter essa confiança e segurança com nossos parceiros é muito bom!”, comenta.

Por isso, contar com parceiros é uma grande oportunidade para expandir os horizontes. “Além de manter um padrão de qualidade e estilo nos produtos, os parceiros podem nos trazer ideias e sugestões que não havíamos pensado antes, seja trazendo essa ideia até nós diretamente ou quando vemos seu catálogo de produtos e serviços e isso acaba trazendo novas visões do que poderíamos criar para o futuro“, diz a designer. “No final das contas, todo mundo precisa se ajudar! É como um grande ciclo em que nada funciona bem sozinho, e as empresas e marcas parceiras servem como uma grande base para continuarmos crescendo”, finaliza.

Etiquetas

Maryene Oliveira

Apaixonada pelo mundo da comunicação, uma futura radialista movida por dança, literatura, desafios e ideias mirabolantes.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar