Ideias para negócios

Estratégias de motivação para uma rotina mais produtiva

A organização da nossa rotina está ligada a uma série de fatores, mas um deles é essencial: o tempo. Cada vez queremos fazer mais em períodos mais curtos. Mas será que apenas ferramentas conseguem resolver nosso problema? Talvez a resposta esteja também na motivação! Ou seja, precisamos criar estratégias de motivação para conseguir atingir uma rotina mais produtiva.

Ferramentas para organizar o tempo

Com a finalidade de tornar nosso dia a dia mais prático e a rotina mais produtiva, algumas ferramentas valem ouro! Como cada pessoa se dá melhor com um tipo de organização, listamos três abaixo que podem ser úteis na hora de dividir suas tarefas mais gerais:

  • Use um Planner > Invista em um planner semanal pois a ferramenta ajudará – e muito! – na sua organização. Lá você designará inclusive o tempo que irá usar para cada tarefa, os momentos de pausa, momentos de lazer e deixará um espaço para não ser pego de calças curtas por aquele imprevisto. Fazer um que tenha a sua cara pode ser um incentivo.
  • Método Tríade > Este método defende a ideia de que precisamos dividir o tempo em três tipos de atividades: as importantes, as urgentes e as circunstanciais. Essa ferramenta ajudará a gerenciar o tempo da melhor forma já que essa divisão fará com que você consiga aprender a manter um equilíbrio e não deixar de lado coisas consideradas menos importantes.
  • Técnica Pomodoro > A Técnica Pomodoro é bem interessante para evitar a procrastinação e é boa para quem precisa de uma ajudinha pra se concentrar. É bem simples: faça uma lista com as tarefas que estão pendentes e programe um cronômetro para despertar em 25 minutos. Quando o despertador tocar, faça uma pausa de 5 minutos. Retome o trabalho depois da pausa por mais um “pomodoro” (25 minutos) e a cada quatro ciclos, faça uma pausa de 30 minutos.

“Produtividade não é uma questão de tempo, mas de timing

A motivação como ferramenta

No Blog Designfilia (já falamos dele por aqui!), foi levantada uma outra possibilidade para uma rotina mais produtiva que vai além da organização. De acordo com o post, baseado nos estudos do psicólogo organizacional e especialista em produtividade, Adam Grant, é mais inteligente entender o que motiva você. Na maioria das vezes, focamos na agilidade ou no período dedicado a cada tarefa que precisamos desenvolver. De acordo com Grant, deveríamos focar nas razões que tornam aquela atividade importante de ser finalizada.

LEIA MAIS

Como fazer o melhor planejamento para o segundo semestre

Embalagens personalizadas: organize a casa com as dicas da Marie Kondo

3 Dicas para exercitar a criatividade mesmo trabalhando no escritório

Como se motivar?

Fazer tarefas que nos animam é mais fácil que fazer atividades que exigirão mais esforço, certo? Quando nos empolgamos com alguma coisa, é um prazer doar nossa energia. Aí, em vez de economizar tempo, fazemos a atividade rapidamente sem nem perceber. E quando a tarefa não nos agrada tanto, como se motivar?

Ainda de acordo com o especialista em produtividade, é preciso entender o que pode servir como um motivador em cada responsabilidade. Um método que pode se mostrar muito eficaz é usar tarefas mais agradáveis tanto como estímulo para uma mais difícil, quanto como uma recompensa,  fazendo sempre algo que te dê prazer no final do dia. Produtividade não é uma questão de tempo, mas de timing!

Etiquetas

Julia Viana

Editora do Blog da Printi, uma jornalista que encarou um novo papel para falar de mundo gráfico e inovação - sem nunca deixar a criatividade e os assuntos mais comentados do momento de lado.
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar